Saiba quais são as diferenças entre Outbound Marketing e Inbound Marketing

 em Marketing

Conhecidos como duas formas diferentes e eficientes de gerar leads para um negócio, o Outbound Marketing trabalha com prospecção ativa através de abordagens frias.

Enquanto isso, o Inbound Marketing faz a prospecção passiva usando estratégias que educam os potenciais clientes até eles entenderem que precisam do seu negócio.

Apesar de os dois métodos terem resultados eficientes, ainda há quem diga que o Outbound está no passado e o Inbound é o futuro.

Mas aqui neste conteúdo te mostraremos que ambos podem ser utilizados no dia de hoje e até mesmo em conjunto. Você só precisa saber como!

Ficou curioso, não é mesmo? Então continue acompanhando.

Entenda mais sobre Inbound Marketing

O Inbound é focado no marketing digital, utilizando estratégias online para despertar o interesse dos clientes para que ele venha até você, sem que precise ir atrás dele.

Conhecido também como Marketing de Atração, a sua principal diferença está em seus objetivos: atrair, converter e encantar. Ou seja, nesse caso o indivíduo não é bombardeado com diferentes propagandas, mas sim atraído ao produto através dessas estratégias e, principalmente, pelos conteúdos produzidos.

Uma boa estratégia é criar uma persona, um personagem semi-fictício baseado em características dos seus clientes reais e assim você consegue direcionar boas campanhas de marketing bem direcionadas, que trazem bons resultados. 

Inbound Marketing na prática

Para que um negócio seja bem sucedido dentro do Inbound marketing, é importante que a empresa crie um site que tenha foco em práticas de SEO e investir em conteúdos de blog.

Esse blog precisa ser alimentado constantemente com blog posts contendo informações relevantes, pensando sempre em como prospectar clientes. Para isso, é importante também investir no Marketing de Conteúdo, em que você pode ter uma maior noção sobre como funciona o funil de vendas e quais os melhores conteúdos para cada etapa do funil.

Lembre-se que é essencial investir nas etapas do funil da forma correta para atingir os possíveis clientes durante a sua jornada de compra. Isso porque, quando um indivíduo chega até o seu blog, ele está em diferentes etapas do funil de vendas.

Há o topo de funil, em que a pessoa ainda não sabe que tem um problema e normalmente pesquisa por questões mais genéricas sobre o assunto. O meio de funil, fase intermediária do processo, é a fase da descoberta, em que o indivíduo já entende que tem um problema e procura maneiras de resolvê-lo.

Por último, temos o fundo de funil. Esse é o objetivo final de toda empresa, em que você oferece soluções (os seus produtos e serviços) para aquele problema inicial que o indivíduo tinha. É o momento que a conversão é feita para transformá-lo em cliente.

Entenda mais sobre Outbound Marketing

Conhecido também como marketing tradicional, é a prática de ir atrás do cliente de forma direta e ativa, como em propagandas no rádio, cartazes, televisão, jornais, revistas, entre outros. Ou seja, a marca é ativa na prospecção de clientes.

No meio digital ele pode ser encontrado em banners, pop-ups, anúncios em vídeos, por exemplo.

O primeiro passo antes de apostar em uma campanha de Outbound é ter um bom planejamento. Por ser um custo mais elevado em comparação às outras estratégias, é importante ter todas as questões bem definidas, como o público-alvo, pesquisa de mercado e análise da concorrência.

Dessa forma, as campanhas podem ter resultados mais positivos, uma vez que serão melhor exploradas. 

Apesar do Outbound Marketing ter um maior custo quando comparado ao Inbound, o primeiro traz melhores resultados a curto prazo. Isso porque, quando definido as suas estratégias, você consegue segmentar melhor o seu público, assim como ir atrás apenas daqueles que demonstram interesse.

Diferente do Inbound, em que temos uma prospecção passiva, o Outbound Marketing é uma estratégia de prospecção ativa, em que é identificado o perfil dos clientes em potencial para então abordá-los.

Até mesmo por isso, o uso dessa estratégia pode ser melhor aproveitada por alguns segmentos distintos. Esse é o caso, por exemplo, do mercado B2B, em que as vendas são feitas entre empresas, como o próprio nome sugere (Business-to-Business).

Entretanto, muitas empresas optam por utilizar alguns elementos dos dois tipos de Marketing para aprimorar as suas estratégias. Por conta disso, o marketplace B2B vêm crescendo no mercado, dando maior visibilidade às empresas e indústrias.

Outbound Marketing na prática

O primeiro passo para colocar as suas estratégias em ação é a geração de leads através da prospecção de clientes. Há algumas ferramentas que podem auxiliar nesse processo da aquisição da lista de leads. As principais delas são:

  • Eventos;
  • Google;
  • LinkedIn;
  • Hunter.io;
  • CRM.

Essas ferramentas auxiliam durante todo o processo, desde encontrar indivíduos com o perfil desenhado pela sua empresa, como também para encontrar a rede de atuação dessas pessoas, os seus contatos e também outras informações relevantes.

A partir do momento que você tem uma boa base de leads, que já passaram pelo processo de validação, é o momento de abordá-lo.

Para isso, uma das principais estratégias é apostar no SDR – Sales Development Representative. Ele é responsável por entrar em contato para qualificar esses leads e agendar uma reunião com um vendedor especialista (+ sênior). 

Um comércio do exemplo acima pode trabalhar distribuindo folhetos com promoções nos estabelecimentos próximos ou panfletar na rua e atingir o público da região.

Com essas ações, não é certeza de que o público atingido será exatamente quem tem interesse, mas no meio dessas pessoas algumas se sentirão atraídas e se tornarão clientes.

Saiba qual escolher para seu negócio

Muitas vezes você não precisa nem escolher qual tipo de método utilizar, pois o Inbound e o Outbound Marketing podem existir ao mesmo tempo dentro da empresa.

Se você tem urgência por novas vendas, o Outbound vai ser mais indicado, pois com ele você vai montar uma lista de leads alinhadas com o seu perfil de cliente ideal e começar a prospecção ativa. Como você estará falando com um público bem segmentado, as chances deles terem as dores que a sua empresa resolve são altas e consequentemente a tendência de fechamento de vendas também será maior.

Agora, os principais problemas são o baixo potencial de escalabilidade e o custo dessa estratégia.

Já o Inbound, é uma estratégia de alto potencial de escalabilidade e com um custo de partida é significativamente mais baixo, porém é uma estratégia de retorno apenas no médio e longo prazo. Não espere resultados antes de 6 meses.

Tenha os melhores resultados

Neste conteúdo te apresentamos as principais diferenças entre as metodologias mais utilizadas para as campanhas de marketing, o Inbound e Outbound Marketing.

Então chegou a hora de você estudar qual dos dois métodos é mais vantajoso para aplicar na sua empresa com base nos resultados de cada um. 

Mas não esqueça: é possível conciliar o uso dos dois e obter ótimos resultados.

Pare de perder tempo e saia na frente dos seus concorrentes, mostre que tem presença no mercado!

Postagens Recentes

Um evento online e gratuito que vai te ensinar a vender mais por indicação.

Semana das Vendas por Indicação. Aprenda como aumentar suas vendas com um Programa de Indiciação.

X