fbpx

Estratégia de Divulgação: diferentes opções para Programas de Indicação

 em Programas de Indicação

Para decidir sua estratégia de divulgação, veja:

Explorando diferentes estratégias de divulgação no Programa de Indicação

Descobrir qual é a melhor estratégia de divulgação para Programas de Indicação da sua empresa será essencial para conquistar o maior número de clientes.

No entanto, cada empresa possui características específicas e focadas na sua persona. Isto influencia na hora de divulgar o programa de indicação.

Ou seja, o Programa de Indicação possui uma estratégia diferente para cada tipo de negócio.

“À medida que nos aprofundamos nas estratégias e táticas de negócios reais que geram indicações, você verá que uma abordagem de construção de confiança para o marketing reduz o medo e o risco para quem faz indicação em qualquer tipo de cenário” – John Jantsch, Máquina de Indicações.

Dessa maneira, o que é bom na estratégia do Programa de Indicação de uma empresa provavelmente não será para outra.

Diversos fatores influenciam:

  • tipo de cliente
  • tipo de produto
  • preço das soluções ofertadas
  • o segmento da empresa

O empresário ou gestor de marketing e vendas que é atento ao seu mercado, com toda certeza coletar dados, estuda e conhece bem o seu cliente.

O diferencial está naquelas que somam o que sabem e aplicam no seu dia-a-dia, nas estratégias da empresa.

Portanto, assim como diz John Jantsch:

“Ensinar para cada novo colaborador tudo o que você pode sobre a estratégia de marketing da sua empresa, seu plano de marketing, seu posicionamento, sua mensagem, seu cliente ideal, seus produtos, seus serviços e atributos da sua marca faz muito sentido quando se pretende criar embaixadores da empresa”.

Qual é a melhor estratégia de divulgação para o Programa de Indicação?

Oferecer um bônus financeiro ou um produto da sua marca?

Divulgar o Programa de Indicações apenas para meus clientes ou para todos que quiserem/puderem participar?

Explorar divulgações nas redes sociais ou apenas incentivar meus colaboradores a pedir indicação?

É melhor fazer apenas divulgação orgânica do meu Programa de Indicações ou é interessante pagar anúncios para potencializar o seu alcance?

estratégia de divulgação
Interessante…

São apenas exemplos de algumas das perguntas a se fazer no momento de definir sua estratégia para Programas de Indicação.

Responder essas questões te ajudará a definir a melhor estratégia de Marketing de Indicação para seu negócio e aplicá-lo com eficiência em seu programa de indicação.

Veja as opções para montar a sua estratégia de divulgação:

Programa de Indicação fechado ou aberto?

Primeiro, você precisa entender o que é um Programa de Indicação fechado ou aberto:

No aberto, qualquer pessoa que tenha contato com o seu Programa de Indicação pode fazer uma indicação. Ela não necessariamente precisa ter um vínculo com a sua empresa.

Já no fechado, participam apenas um grupo específico de indivíduos ou mais de um. Exemplo: clientes, colabores, influenciadores, etc. Apenas aqueles incluídos na segmentação que você fizer, poderão fazer indicações.

Então se pergunte: é melhor fazer apenas a divulgação orgânica ou é interessante pagar anúncios para potencializar o seu alcance?

A resposta para essas duas pergunta é: depende!

Essa divulgação pode ser feita de forma orgânica ou paga.

E com isso entramos no seguinte tópico:

Divulgação orgânica x paga

Investir em uma ou outra vai depender do tipo de Programa de Indicação da sua empresa e do seus objetivos com o mesmo.

A proposta para a divulgação paga consiste em potencializar o alcance do Programa de Indicação de todas as formas possíveis (anúncios, propagandas, folders).

Essa é uma boa maneira de divulgar seu programa para pessoas que não são clientes, mas poderá indicá-lo, geralmente por conta da recompensa. (Eles conhecem a sua marca e indicam mesmo que nunca tenham comprado de você).

Com a divulgação orgânica, o seu Programa de Indicações vai estar visível somente para aqueles que já o conhecem e participam do mesmo. Geralmente é mais indicado para programas de indicação fechado (quando apenas clientes podem indicar).

A chave para cada um é utilizar o canal certo. E se houver o uso de omnichannel, a estratégia ficará ainda mais otimizada.

O melhor para estimular a indicação: dinheiro ou produto?

Uma pesquisa da B2B Marketing Mentor, aponta que em aspectos gerais 39% das pessoas preferem receber incentivos financeiros para recomendar produtos e serviços, do que recompensas tradicionais.

Isso se dá ao fato de que com dinheiro é possível escolher o que comprar, conforme o gosto do seu cliente. No entanto, não é em todo segmento que o dinheiro é a melhor opção.

Portanto, para uma boa estratégia procure saber o que irá agradar seu cliente a ponto de estimular a sua indicação.

Um condomínio de luxo ofereceu ao seus clientes um iPhone de última geração para as indicações que gerarem venda. Já um e-commerce ofereceu um bônus de R$20 para indicações que comprarem mais de R$100.

Em ambos os exemplos, a recompensa se encaixou com a persona cliente de cada negócio.

De forma alguma, faria sentido o condomínio oferecer uma recompensa como a do e-commerce. Realmente, para aqueles clientes, os R$20 poderia desestimular as indicações das casas – pois não geram o valor esperado.

Qual canal é mais eficaz?

Então, até aqui você já descobriu quem é sua persona, qual é o tipo do seu Programa de Indicação (aberto ou fechado), e claro, já imaginou até que recompensa será ideal para seu cliente indicador. Então, está na hora de estabelecer o seu canal de divulgação!

estratégia de divulgação

Um dos maiores problema em quem faz divulgações, é a escolha do canal errado. Isso é como uma tragédia anunciada para o marketing da empresa.

Afinal, de contas onde está o seu cliente? Quais plataformas ele usa? Ele sabe que sua empresa possui uma página nas redes sociais? (Ele interagem com as postagens?)  O seu ponto de contato com o cliente é apenas e-mail, ou você usa outros meios?

Enfim, você precisa atingir o cliente no canal certo.  

Se sua empresa possui um Programa de Indicação fechado, onde apenas os clientes podem fazer a indicação, uma boa forma de contato poderá ser o aplicativo ou simplesmente o e-mail marketing.

Por outro lado, suponhamos que seu negócio é um e-commerce; ou uma imobiliária que recebe indicações de apartamentos para seu portfólio; desta maneira faz todo sentido que sua estratégia de divulgação seja aberta e nas redes sociais para todos os perfis que sua empresa prospecta.

Uma boa estratégia para o Programa de Indicação ter eficiência será uma divulgação eficiente. Portanto se preocupe com as Landing Pages também!

Conclusão

A melhor estratégia para Programas de Indicação depende do formato da empresa em questão e portanto, não basta apenas oferecer incentivo, ou simplesmente acreditar que as indicações irão acontecer espontaneamente.

Assim como toda ação de Marketing Digital, a estratégia para o seu Programa de Indicação deverá ser pensada conforme o tipo de cliente. Portanto descubra qual é sua persona e o seu Perfil Ideal de Cliente para, portanto ter uma melhor estratégia no seu Programa de Indicação.

Bônus: Vou deixar aqui a indicação de um artigo, preparado exclusivamente para mostrar como o Programa de Indicação se aplica nos diversos segmentos.

Já tem um programa de indicações? Saiba como metrificar os resultados aqui: Programa de Indicação: as principais métricas que devem ser monitoradas.

E aí que tal implantar um Programa de Indicação na sua empresa?

Solicite aqui uma demonstração e veja como você pode fazer isso.

Compartilhar
Postagens Recentes

Receba nossas atualizações por e-mail